Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro

Space Afrika

Anfiteatro Paz & Amizade
18h00

Entidade oriunda de Manchester, conjurada por Joshua Inyang e Joshua Reid que, apesar do nome espacial de herança afro-futurista, é espelho da vivência nebulosa mas real na urbe. Uma psicogeografia muito britânica, do post-punk ao trip hop ou ao dubstep mas que se reflecte no torpor do regresso a casa, no anonimato ou no sonâmbulismo/devaneio da girada citadina. Após álbuns na Where to Now? e Sferic, e uma mixtape de apoio a diversos projectos vitais de acção social intitulada 'hybtwibt?' em plena reclusão covid-esca, lançaram muito, muito recentemente 'Honest Labor' pela Dais. Disco que corta com os trejeitos mais identificáveis do dub techno que informavam investidas anteriores e amplifica as estratégias de poética e espacialização do seu som enquanto cartografia aural. Um espaço físico-mental como o foram 'Multila' de Vladislav Delay, Nearly God ou o primeiro Burial captado em 19 temas, entre instrumentais turvos e semi-canções narcóticas, feitas de memória, solidão e vida vivida em trânsito circular. Aqui e agora.  

linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram