« Voltar

LEIDA

Conjurado por Mariana Dionísio em 2023, LEIDA apresenta-se como um ensemble para oito vozes que procura questionar os trâmites canónicos dos grupos corais, propondo uma abordagem não dogmática mas, ainda assim, consciente das características dos mesmos. Abraçando a improvisação e adaptando-se ao espaço acústico onde é apresentada, a música de LEIDA desenha-se num tempo próprio nesse mesmo espaço, absorvendo e reclamando as suas propriedades, de uma forma tão aberta quanto precisa através das vozes da própria Dionísio, Beatriz Nunes, Filipa Franco, Leonor Arnaut, Nazaré da Silva, Diogo Ferreira, Hugo Henriques e João Neves.