Programa

8 de Outubro21:30

ADAO – Associação Desenvolvimento Artes e Ofícios

Hieroglyphic Being

Singularíssimo produtor de música electrónica e de dança, bem como reputado DJ, Jamal Moss é um músico cujo percurso não encontra paralelo nos meios bem amplos onde tem vindo a funcionar de há quase duas décadas para cá. Filho de Chicago, onde entrou pela primeira vez num clube pela mão de Ron Hardy aos 12 anos, cruza informação artística e humana entre o techno, o house, a electrónica abstracta, o ruído, o jazz (e o free, via Sun Ra) com a maior das naturalidades, funcionando tão bem numa pista de dança mais exigente como no museu de arte contemporânea. Também editor, tendo fundador a importante Mathematics Records, apresenta-se no OUT.FEST para duas performances - uma no seu registo mais habitual, para um live set na ADAO a 8 de Outubro; e dois dias antes, no Velvet Be Jazz Club, concentrado no seu trabalho de música improvisada mais ligado ao free jazz e ao seu cruzamento com fontes electrónicas. Uma honra absoluta tê-lo pelo Barreiro em estadia alongada, depois de ter feito parte de uma longínqua edição da nossa instalação interactiva ‘Ouvido Raro’.